Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Câmara de vereadores sedia audiência pública sobre feminicídio

Câmara de vereadores sedia audiência pública sobre feminicídio

Publicado em 05/08/2019.
Evento é promovido pela Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa gaúcha.
Câmara de vereadores sedia audiência  pública sobre feminicídio

Assessoria do Vereador

Dados da Secretaria Estadual de Segurança Pública apontam 117 mulheres assassinadas no Rio Grande do Sul no ano passado. No primeiro semestre de 2019 já foram registrados 43 casos de feminicídio em cidades gaúchas. Essa realidade estará em debate na Câmara de Vereadores de Pelotas durante audiência pública promovida pelo deputado estadual Airton Lima, PL, vice- presidente da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa, na próxima sexta-feira, dia nove de agosto.

A proposta do evento é expor para a população, lideranças locais e estaduais, a realidade da violência doméstica enfrentada pelas mulheres que, em alguns casos, se tornam vítimas fatais. O aumento desse tipo de crime aqui em Pelotas é destaque no evento que irá contar com a presença da delegada da mulher, Maria Angélia Gentilini e o coordenador do Pacto Pelotas pela Paz, Samuel Ongaratto.

A audiência faz parte de uma série de encontros que serão realizados pela Comissão de Cidadania e Direitos Humanos em diferentes Câmaras de Vereadores no interior do Estado.O evento chega a Pelotas após solicitação do vereador Enéias Clarindo (PSDB), ao gabinete do deputado Airton Lima. A audiência ocorre a partir das dezenove horas, no plenário da Câmara de Vereadores de Pelotas.

 

Texto: Assessoria de Imprensa Vereador Enéias Clarindo PSDB

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon