Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Comissão de saúde quer estrutura para atender profissionais da linha de frente

Comissão de saúde quer estrutura para atender profissionais da linha de frente

Publicado em 24/06/2020.
Proposta oficial de criação de equipes para acompanhar a saúde física e mental dos profissionais do SUS será apresentada esta semana para a prefeita
Comissão de saúde quer estrutura para atender profissionais da linha de frente

Foto: Lenise Slawski


            Com mais de 1,1 milhão de pessoas infectadas e 51,4 mil mortes a pandemia de Covid-19 preocupa população, autoridades e, especialmente, os profissionais responsáveis por atender, cuidar e tratar dos doentes ou pacientes suspeitos. Dados divulgados no final de maio revelavam que 31,7 mil profissionais da área da saúde já haviam sido infectados pela doença e outros 114 mil casos estavam sob suspeita. Em Pelotas ainda não foi divulgada nenhuma estimativa de profissionais da saúde infectados ou sob suspeita, porém a pressão psicológica sobre os trabalhadores da área tem sido gigantesca e gerado danos à saúde física e mental destes profissionais.

            Preocupados com a situação, os vereadores integrantes da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Pelotas irão apresentar esta semana à prefeita Paula Mascarenhas (PSDB) um pedido oficial para a montagem de equipes de especialistas voltados para atender, exclusivamente, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, profissionais de higienização e outros trabalhadores que atuam na linha de frente do combate à Covid-19.

            "O estresse, o isolamento da família, a sobrecarga de trabalho e a preocupação constante com a própria saúde tem causados danos, por vezes trágicos, a estes profissionais e não podemos de modo algum descuidar disso. É preciso cuidar de quem cuida, então se a Prefeitura não tem equipes suficientes para prestar este atendimento vamos discutir uma contratação emergencial, mas o que não podemos é deixar estes profissionais sem acompanhamento", argumenta o presidente da Comissão de Saúde, Marcos Ferreira, o Marcola (PTB).

            EM DISCUSSÃO – A proposta será apresentada para discussão na Câmara na sessão desta quarta-feira e depois levada para a prefeita. A ideia é que as equipes de atendimento especializado para profissionais da saúde sejam montadas e entrem em serviço o quanto antes. "O cenário fica cada vez pior e com isso a saúde dos nossos trabalhadores da saúde também sofre mais, não podemos demorar para garantir algum apoio", comenta a vice-presidente da Comissão de Saúde, Daiane Dias (PL).

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon