Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Fernanda Miranda (PSOL) cobra respostas da Prefeitura sobre o corte de árvores na Avenida Saldanha Marinho.

Fernanda Miranda (PSOL) cobra respostas da Prefeitura sobre o corte de árvores na Avenida Saldanha Marinho.

Publicado em 08/01/2020.
No fim de 2019 o mandato da vereadora, protocolou Pedido de Informações sobre as podas realizadas em dezembro do referido ano

O pedido soma-se à comoção manifestada nas redes sociais, contra a ação da Prefeitura Municipal de Pelotas. Muitos profissionais com trabalhos relacionados a preservação do meio ambiente, já fizeram relatos de que não é adequado o tipo de poda que vem sendo realizada na Avenida Saldanha Marinho.

No entendimento da vereadora, esse tipo de ação deveria ser amplamente debatido com a comunidade, técnicos das áreas ambiental e do patrimônio histórico, no Conselho Municipal de Proteção Ambiental e também com a própria Câmara Municipal de Pelotas. Para Fernanda o Executivo deveria manter os últimos espécimes de vegetação ainda existentes na arborização urbana de Pelotas e além disso ampliar o número delas.

Diante desse transtornos, foram realizados os seguintes questionamentos: Qual a justificativa para a quantidade de árvores derrubadas; Havia laudo técnico sobre as condições das árvores e qual é o seu parecer; Havia política de cuidado e manutenção daquele espaço; Quais ações eram tomadas; Há projeto de requalificação daquele espaço; Se sim quais alterações a Prefeitura Municipal de Pelotas pretende realizar.

A preocupação ambiental se estende a toda a cidade. O mandato do PSOL através da vereadora Fernanda Miranda, defende que haja um Plano Municipal de preservação e ampliação de áreas verdes na cidade de Pelotas.

Texto : assessoria da vereadora Fernanda Miranda (PSOL)

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon