Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereador Carlos Júnior participa de treinamento de futebol para cegos em Pelotas

Vereador Carlos Júnior participa de treinamento de futebol para cegos em Pelotas

Publicado em 14/10/2021.

A atividade acontece no Ginásio Planeta Bola, localizado na Avenida Duque de Caxias 1123, no bairro Fragata. O espaço não é adaptado, mas os equipamentos utilizados, sim. A com bola com guizo, que emite efeitos sonoros, permite que os jogadores se localizem em quadra.

Diego Ferreira Lemos, 39 anos, nasceu cego. Em algum momento da infância chegou a recuperar a visão, mas voltou a perder totalmente em consequência do glaucoma.

Lemos criou em 2011 uma equipe de futebol de 5 em Pelotas, ele que também acumula a função de coordenador de esportes da Asdefipel ( Associação dos Deficientes Físicos de Pelotas). Agora convive com a expectativa da ida para São Paulo, com o objetivo de participar da Copa do Brasil de Futebol de Cegos, que começa no próximo dia 24 de outubro, no CT Paralímpico da capital paulista. De Pelotas serão três representantes na Seleção Gaúcha, além de Diego, o goleiro Pierre Jardim, que não possui deficiência visual, o que está previsto na prática da modalidade, e o técnico Fábio Costa.

A maior dificuldade enfrentada é pela falta de parceiros e patrocínios, o que causou preocupação e incerteza, diante da insuficiência de recursos para custear a logística necessária, transporte, alimentação e hospedagem.

Carlos Júnior (PSD), que também é Presidente da Comissão de Desporto da Câmara Municipal de Pelotas, foi procurado por Diego, e tomou ciência de toda a problemática. A partir daí o parlamentar foi em busca de uma maneira para viabilizar o financiamento, e com isso garantir o deslocamento até São Paulo.

Diego Lemos agradeceu ao empenho do vereador “precisamos que outros sigam o exemplo dele, alguns só lembram da gente no período de eleição, ele mostrou na prática que é diferente”.

TREINO

Na quarta - feira da semana passada (09) o vereador resolveu comparecer a um treino no Planeta Bola, e conhecer in loco o funcionamento e as diferenças do esporte adaptado para cegos. Além da bola com guizo, o regramento é ajustado, o goleiro deve permanecer embaixo da trave, e manter comunicação permanente com os colegas de equipe. Goleiro, que é posição de Júnior no Paulista, até o presente momento “quem acha que é fácil está enganado, além do potencial de chute, os atletas mostram qualidade para jogar, agora é uma atividade de extrema importância social, é garantia de inclusão, de cidadania”, afirmou o parlamentar.

Júnior também teve a oportunidade de conhecer um novato na modalidade, Danilo Silva, que estava acompanhado de uma grande incentivadora, a mãe dele, Elisabete Silva. Os dois moram em Canguçu, e fazem o trajeto semanalmente para que Danilo possa jogar e manter vivo o sonho de se tornar um atleta competitivo “é mais um exemplo de superação”, disse o vereador.

Por Assessoria de Comunicação do Gabinete do vereador Carlos Júnior (PSD)

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

LICITACOMCIDADAO