Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Vereador Jurandir Silva pede emissão de cartão e adesivo que dá preferência a portadores de fibromialgia em filas e estacionamentos

Vereador Jurandir Silva pede emissão de cartão e adesivo que dá preferência a portadores de fibromialgia em filas e estacionamentos

Publicado em 22/02/2021.
Uma Lei Municipal de 2019 determina a prioridade em serviços, entretanto, fibromiálgicos encontram dificuldades para acessar o benefício em Pelotas
Vereador Jurandir Silva pede emissão de cartão e adesivo que dá preferência a portadores de fibromialgia em filas e estacionamentos

Vereador Jurandir Silva que garantir prioridade em filas e estacionamentos para portadores de fibromialgia (Foto: Volmer Perez)

Em vista de facilitar o acesso ao benefício de prioridade em filas e estacionamentos por pessoas com fibromialgia em Pelotas, o Vereador Jurandir Silva (Psol) protocolou um Pedido de Providências solicitando ao Executivo a emissão de cartão e adesivo. Em 2019 foi aprovada a Lei Municipal nº 6728 que determinou a prioridade. Entretanto, os portadores de fibromialgia encontram dificuldades para a emissão dos documentos, o que influencia em desrespeito constante ao que concerne os direitos de preferência em filas e estacionamentos.

Ainda, a Lei Municipal de 2019 não designa um órgão responsável para emissão dos documentos necessários ao exercício de preferência aos portadores de fibromialgia. Por conta disso, o Pedido de Providências solicita que a emissão seja feita pelos Centros de Referências de Assistência Social (CRAS), sob responsabilidade da Secretaria de Assistência Social (SAS).

 O mandato do Vereador Jurandir Silva solicitará uma reunião para tratar do assunto com o Secretário de Assistência Social (SAS), José Olavo Passos, juntamente de pessoas portadoras da doença.

A fibromialgia é bastante comum e afeta 5% da população mundial, sem diferenças entre nacionalidades ou condições socioeconômicas. A principal característica é a dor muscular generalizada, crônica, que pode durar mais de três meses. Algumas atividades comuns do dia a dia são difíceis de serem executadas, um exemplo é permanecer em posições estáticas como filas de bancos e ficar em pé no transporte público, assim como realizar movimentos repetitivos.

O benefício é extremamente importante para facilitar o acesso aos serviços e o cotidiano de pessoas com fibromialgia em Pelotas. Por isso é tão necessário exigir este direito do Poder Executivo”, complementou o parlamentar.

Por Assessoria de Imprensa do Vereador Jurandir Silva (PSOL)

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon