Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias

Notícias

Publicado em 10/07/2019.
Banco de notícias desta Casa Legislativa.

Contratos do Programa de Aquisição de Alimentos são assinados

Publicado em 18/06/2021.
Foram assinados contratos com 65 famílias de agricultores, que produzirão alimentos para abastecer instituições pelo período de um ano
Contratos do Programa de Aquisição de Alimentos são assinados

Assinatura dos contratos entre agricultores familiares e a Prefeitura de Pelotas. (Foto: Clóvis Wickboldt)

Esta semana foi assinado mais uma vez o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA Municipal), projeto de grande importância, já que garante aos agricultores da região, a compra de seus produtos e fornece às pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social, uma alimentação de qualidade.

Nesta nova edição do programa, foi liberado para Pelotas um recurso de R$ 400 mil. Ao todo 65 agricultores familiares do município vão abastecer o PAA por um período de 12 meses. Cada família vai entregar R$ 6.500,00 em produtos.

 O projeto valoriza a produção local e reduz o êxodo rural, além de ser vistoriado pela Emater em todas as suas etapas, desde a plantação até a entrega, garantindo que toda a produção de alimentos seja de qualidade. É por meio do PAA Municipal que chegam os alimentos para as refeições que são oferecidas nas diversas instituições de Pelotas, como abrigos de crianças e adolescentes, Casa de Passagem e Centros de Referência de Assistência Social (Cras).

O vereador Jair Bonow (PP) é um grande entusiasta do PAA Municipal, mas não pode estar presente na assinatura dos contratos com os agricultores familiares por causa de um problema de saúde, por isso ele foi representado por seu assessor Clóvis Wickboldt para garantir que todo o processo entre os agricultores e a Prefeitura fosse realizado da melhor forma.

 “O PAA Municipal é um programa de grande importância. Neste novo contrato ele ajuda famílias de agricultores de diversos lugares, como o Quilombo do Alto Caixão, Colônia Ramos, Monte Bonito entre outras. Antes os produtores tinham dificuldades para vender suas produções, agora eles têm a compra garantida. A nova assinatura de contratos do projeto me deixa muito feliz porque auxilia no desenvolvimento do meio rural e também que as pessoas que necessitam tenham acesso a uma alimentação segura”, declara Jair.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Jair Bonow (PP)

 

Vereador Carlos Júnior aprova reconhecimento para DPHPP de Pelotas

Publicado em 18/06/2021.
Vereador Carlos Júnior aprova reconhecimento para DPHPP de Pelotas

Vereador Carlos Jr. (Foto: Gabriel Xavier)

Os números quanto às elucidações de homicídios em Pelotas comprovam a eficiência da equipe da Delegacia de Polícia Especializada de Homicídios e Desaparecidos (DPHPP), principalmente nos últimos dois anos. Quem não recorda o quadro caótico há 04 anos, inclusive com apostas nas redes sociais quanto ao fechamento anual do número de mortes em Pelotas. Mesmo com o processo pandêmico, grande parte da redução é atribuída ao desfecho de investigações e prisões de homicidas, muitos considerados chefes de facções.

A análise deste quadro motivou o vereador Carlos Júnior (PSD) a protocolar uma Moção de Reconhecimento para os servidores da DPHPP, equipe comandada pelo Delegado Félix Rafanhim. O ato legislativo foi aprovado na Sessão Ordinária de ontem (17) pela unanimidade dos parlamentares.

Para o vereador é fundamental estar conectado com a realidade como forma de identificar a competência e dedicação de servidores públicos como neste caso da DPHPP “ muitos não devem saber que a nossa Delegacia de Homicídios é a segunda em resolução de casos no Estado do RS, por isso é uma equipe que merece aplausos nossos e de toda nossa comunidade”, afirmou Carlos Júnior.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Carlos Júnior (PSD)

Secretário Fábio Suanes recebe vereadora Marisa Schwarzer e representantes da ASCLAR para ouvir as demandas do Laranjal

Publicado em 18/06/2021.

Um dos comprometimentos da vereadora Marisa Schwarzer (PSB) desde a campanha é lutar por melhorias no bairro do Laranjal. A parlamentar já se reuniu com o SANEP em épocas de falta d'água, com o secretário de planejamento e gestão para resolver o problema de alagamento da UBS na rua São Borja e com a ASCLAR (Associação Comunitária do Laranjal) para ouvir as demandas dos outros moradores. Uma das maiores reclamações dos moradores são as vias intransitáveis. Na manhã de hoje, a parlamentar se reuniu com o secretário Fábio Suanes, responsável pela Secretaria de Serviços Urbanos e Infraestrutura, o chefe de gabinete da SSUI Luciano Haertel, a presidente da ASCLAR Susana Gama, e o coronel aposentado Luiz Fernando Farias, residente do bairro. 

Diversas fotos da situação das ruas, das quais várias contam com buracos de metros, foram apresentadas ao secretário. A vereadora já fez pedidos de providências para revitalização de mais de trinta diferentes ruas do Laranjal, solicitando também o ensaibramento - pois apenas a patrola faz com que a terra se solte e agrave as crateras. Neste mês, foi realizada a revitalização da rua Bagé, rua Porto Alegre, rua Canoas e outras próximas. O secretário confirmou o retorno da patrola do Laranjal ao bairro (ela havia estragado mas volta do conserto na próxima segunda-feira). Além disso, a secretaria programou um mutirão de dois dias no Laranjal com as quatro patrolas do município, para colocar saibro e patrolar o maior número de vias possível. O material já foi enviado à praia e aguarda a disponibilidade do maquinário, que está agendada para o final da semana que vem. 

A vereadora solicitou ainda ajuda do secretário para resolver o problema de alagamento na rua São Borja, onde fica a UBS do Laranjal, para que os moradores não percam acesso aos recursos de saúde. Por fim, a presidente da ASCLAR pediu ao secretário que contatasse a CEEE para recolocação dos braços das luminárias nos postes das ruas da praia, que foram trocados nas últimas semanas, mas ainda não têm lâmpadas. O secretário Fábio Suanes fará os encaminhamentos necessários, bem como a vereadora.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Marisa Schwarzer (PSB)

Miriam Marroni defende apoio ao Empreendedorismo Feminino

Publicado em 18/06/2021.
Emenda ao programa Micro crédito Juro Zero, direciona no mínimo 10% dos contratos para mulheres e com critérios diferenciados.

Para a vereadora Miriam essa é uma pauta de grande importância, diversas experiências estão sendo desenvolvidas por todos os municípios do RS, o poder público local tem papel estratégico no fomento ao desenvolvimento local e apoio ao empreendedorismo.

Não podemos apenas ficar aguardando que uma grande empresa venha se instalar aqui e gerar o tão sonhado desenvolvimento econômico, nossa cidade tem grande potencial na saúde, na educação, no comércio e nos serviços, é preciso fomentar estes potenciais com as condições para que a retomada da economia local aconteça.

A vereadora ainda destaca que a criação do conselho municipal de desenvolvimento econômico e trabalho, somado ao programa bairro empreendedor são ações importantes que terão apoio da bancada do Partido dos Trabalhadores, porém no Programa de Microcrédito Municipal percebeu que a proposta precisava de ajustes e apresentou a emenda. 

Com a emenda apresentada pela parlamentar, mulheres empreendedoras enquadradas como Microempreendedores Individuais (MEI- com faturamento anual até R$80 mil reais), poderão contar com carência de 6-12 meses e um prazo mais ampliado de até 18 meses para a quitação do microcrédito.

É preciso dar uma função social ao fundo garantidor não basta apenas subsidiar os juros do crédito, o fundo permite a prefeitura negociar uma taxa de juros mais atrativa que as convencionais a Prefeitura de Dois Irmãos-RS conseguiu juros de menos de 1% ao mês.Diversos bancos já operam linhas de crédito com juros de até 2% para o empreendedorismo como é o caso do Banrisul, porém muitas pessoas não conseguem acessar essas linhas devido a grande exigência de garantias nas análises de crédito tradicionais. Se vamos investir recursos públicos para o programa é importante que o diferencial dele não seja apenas o juro zero, mas sim chegar aonde os bancos hoje não chegam. 

Dentre as justificativas para a emenda Miriam defende que no empreendedorismo feminino seja permitido o acesso a MEI’s com menos de um ano de empresa formalizada, pois muitas mulheres perderam o emprego durante a pandemia e o crédito será importante nesses primeiros passos da empresa e outro tema que traz destaque é que a análise de crédito não se limite a negar o acesso, tendo como base pendência registradas em cadastro privados com SPC e SERASA.    

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Miriam Marroni (PT)

  

Vereadora Fernanda Miranda segue na luta pela inclusão das lactantes, e cuidadoras de menores PCDs na prioridade de vacinação contra COVID-19

Publicado em 18/06/2021.

A vereadora Fernanda Miranda (PSOL) segue atuando exaustivamente pela inclusão das lactantes, sem comorbidades, independente da idade da criança, e das cuidadoras de menores de 18 anos com deficiência e acamados, no grupo prioritário de vacinação em Pelotas.

Após inúmeras reuniões com organizações, aprovação de moções, e realização de lives, a vereadora levou até a Secretária de Saúde Roberta Paganini as reivindicações para a inclusão destes grupos no Plano Municipal de Imunização. O plano é pautado na autonomia dos estados e municípios, conforme preconiza a lógica tripartite do SUS, para que estes realizem adaptações no PNI conforme as necessidades de cada região, as doses disponibilizadas e as características da população local. Em vários estados e alguns municípios do Rio Grande do Sul como Sapucaia do Sul e São Leopoldo já adaptaram seus planos incluindo as lactantes sem comorbidades.

A justificativa para a inclusão das lactantes é fundamentada na garantia à integridade da saúde da criança, uma vez que estudos apontam que anticorpos são passados da lactante imunizadas para o lactente; sendo que não há qualquer previsão de imunização através de vacinação para crianças na primeira infância e tampouco bebês podem se proteger com máscaras sob risco de sufocamento. Além da garantia da saúde destas, a vacinação é uma estratégia de política pública para o incentivo ao aleitamento materno, e uma proteção social eficiente e econômica, pois aumenta o efeito rebanho da vacinação. Esse fator é muito importante, pois uma vacina protege duas vidas ou mais (a depender de quantas crianças são amamentadas).

Não menos importante é a luta das cuidadoras de crianças e adolescentes com deficiência acamados, que não tiveram sua imunização pois não há em curso vacinas no Brasil para menores de 18 anos. Essa situação fez com que estas responsáveis, na grande maioria mães, fossem deixadas de fora do grupo de prioridade. Neste caso, também trata-se da garantia da saúde e cuidados das crianças e adolescentes, uma vez que sua contaminação se dá integralmente de modo vertical por suas cuidadoras, que precisam constantemente buscar a garantia do acesso aos direitos de quem está sob sua responsabilidade. Sendo que, na maioria das vezes, os cuidados são de mulheres, muitas delas sozinhas, pois não possuem uma rede de apoio. Essas pessoas vivem uma angústia constante de adoecerem e não ter com quem deixar estas crianças e vivenciam o medo de transmitir a doença para eles e talvez serem responsáveis por algo grave que venha a lhes acontecer.

“É necessário que o poder público possa olhar para essas pessoas com olhar mais empático, pois já existe uma série de fatores que tornam suas vidas difíceis. Além disso, Pelotas precisa de uma estratégia de vacinação mais eficaz e a inclusão desses grupos na prioridade garante a proteção de quem cuida e os direitos da infância e juventude”, coloca a vereadora.

A luta pela inclusão destes grupos no PMI é uma luta de toda a sociedade, e nós seguiremos atuantes até que todas e todos estejam imunizados.

Por Assessoria de comunicação da vereadora Fernanda Miranda (PSOL)

PL prevê distribuição gratuita de absorvente higiênico

Publicado em 18/06/2021.
Programa de conscientização sobre a menstruação e distribuição aconteceria em escolas e demais órgãos públicos.

Foi protocolado hoje (17)na Câmara de Vereadores de Pelotas o Projeto de Lei (PL) que institui o Programa de Conscientização sobre a Menstruação e de Distribuição Gratuita de Absorventes Higiênico nas Escolas e demais Órgãos Públicos da Cidade de Pelotas. O objetivo do PL, segundo o proponente vereador Paulo Coitinho (Cidadania), prevê o desenvolvimento de programas, ações e articulação entre órgãos públicos, sociedade civil, que visem o desenvolvimento do pensamento livre de preconceito em torno da menstruação, através da realização de palestras e cursos nas unidades educacionais que tenham ensino fundamental, médio, educação de jovens e adultos, nos centros de integração, nas escolas municipais de educação bilíngue para surdos e para o movimento de alfabetização.

“O projeto conta com a elaboração e distribuição de cartilhas e folhetos explicativos, entregues nas unidades educacionais, terminais urbanos de ônibus, estabelecimentos públicos que tragam a conscientização sobre a menstruação, voltada a todos os públicos, sexos e idades, objetivando desmistificar a questão e combater o preconceito”, avalia Coitinho.

A disponibilização e distribuição gratuita de absorventes higiênicos aconteceria através do poder público garantindo a universalização do acesso a todas as pessoas que menstruam.

“Não podemos admitir que problemas como a falta de material escolar, merenda ou absorventes íntimos sejam fatores que desencorajam as jovens de frequentarem as escolas, reduzindo as chances de um futuro melhor”, disse o vereador.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Paulo Coitinho (Cidadania)

Abertura de rua irá beneficiar centenas de famílias do Navegantes

Publicado em 16/06/2021.
Vereador Reinaldo Elias, Belezinha (PSD) visitou obra com prefeita
Abertura de rua irá beneficiar centenas de famílias do Navegantes

Prefeita e vereador visitaram as obras (Foto: Gabriel Xavier)

O vereador Reinaldo Elias, Belezinha (PSD) e a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB) visitaram nessa quarta-feira as obras da rua Darcy Vargas, no loteamento Navegantes III, onde foi feita a limpeza e desobstrução de um trecho de 800 metros entre a rua Direitos Humanos e a avenida Juscelino Kubistchek. A partir disso a rua passa a ser uma alternativa ao prolongamento da avenida Bento Gonçalves, até então única saída do bairro para o centro da cidade.

“Faz 15 anos que a comunidade pedia a abertura dessa rua, que além de ser outra saída do bairro além do prolongamento da Bento, também vai encurtar o caminho para as ambulâncias do Samu que atendem a UBAI Navegantes e que agora podem ir direto pela Darcy Vargas”, afirma o vereador.

 Para moradores como Rafaela Gonçalves, 21 anos, a abertura da rua representa mais conforto e facilidade. “Melhora muito porque antes a gente tinha que fazer a volta até a Bento ou cortar pelo beco atrás do Village Center e agora o caminho ficou muito mais rápido e fácil”, diz.

A melhora da qualidade de vida para a comunidade tanto com a redução do trajeto até a Juscelino Kubitschek como com a instalação de iluminação e encaibramento foram destacados pela prefeita ao falar da obra. De acordo com Paula a área era perigosa e impossível de cumprir sua função e, agora, se converte em uma importante via de ligação do bairro com o centro da cidade. A prefeita destacou, ainda, a importância da participação da Câmara através do mandato do vereador Belezinha no projeto.

“Agradeço ao vereador que trouxe essa demanda que pudemos executar através de um trabalho conjunto das secretarias de Serviços Urbanos e Obras melhorando muito a qualidade de vida da população do Navegantes III”, declara.

O secretário de Serviços Urbanos, Fábio Suanes informa que a intervenção na Darcy Vargas ainda prevê a colocação de saibro na rua e instalação de iluminação pública. A estimativa do secretário é de que tudo esteja concluído dentro de duas semanas.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Pelotas

Presidente da Câmara propõe movimento por mais representatividade em Brasília

Publicado em 16/06/2021.
Presidente da Câmara propõe movimento para buscar maior representatividade em Brasília
Presidente da Câmara propõe movimento por mais representatividade em Brasília

Vereadores acompanharam prefeita na inauguração (Foto: Gabriel Xavier)

A Câmara de Vereadores de Pelotas deve puxar um movimento cujo objetivo é conscientizar a população da necessidade de aumentar a representatividade da cidade e da região na Assembleia Legislativa e, principalmente, na Câmara dos Deputados. A proposta defendida pelo presidente do Legislativo, vereador Cristiano Silva (PSDB) é de começar com a realização de audiências públicas para debater com a comunidade a importância de se eleger candidatos de Pelotas e cidades vizinhas nas eleições de 2022.

“Com as ferramentas certas o Legislativo tem forças para auxiliar o Executivo a realizar obras e investimentos importantes para a região. Por isso iremos trabalhar para conscientizar as pessoas de que quanto maior nossa representatividade maior é o ganho da comunidade”, afirma Silva.

A inauguração da pavimentação dos 570 metros da avenida Arthur de Souza Costa, no bairro Navegantes realizada na manhã dessa quarta-feira é um exemplo prático de como a representatividade da região pode ajudar a comunidade, seja por deputados locais como Daniel Trzeciak (PSDB) – atualmente o único deputado federal eleito por Pelotas – ou de vereadores com relações próximas aos deputados de seus partidos, como é o caso da bancada do PSD, que garantiu com o deputado federal Danrlei de Deus os R$ 522,9 mil necessários para a obra.

Enquanto caminhava pela avenida que até o início do ano era calçada com pedras irregulares e, agora, conta com asfalto, drenagem e acessibilidade a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB) defendia a importância do apoio de vereadores e deputados para conseguir recursos que em tempos de pandemia escassearam.

“Sem dúvidas a prefeitura tem se beneficiado de recursos de emendas parlamentares em tempos como esses, de caixa espremido e conto com o apoio dos vereadores para buscarem emendas para realizarmos obras como essa”, declara.

VERBAS – O caso do deputado Trzeciak é apontado tanto pela prefeita como pelo presidente da Câmara como o exemplo mais evidente de como contar com um representante em Brasília pode fazer a diferença em termos de caixa, especialmente para obras de infraestrutura. Ao todo a cidade já recebeu R$ 30 milhões em emendas de Trzeciak, sendo R$ 18,1 milhões para obras de infraestrutura, R$ 10 milhões para a saúde e R$ 1,7 milhão para outras áreas.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Pelotas

Vereador Jurandir Silva realiza questionário em paradas dos ônibus

Publicado em 16/06/2021.
Formulário de questões tem como objetivo compilar opiniões e avaliações dos usuários do transporte coletivo

Na tarde de terça-feira (15), o Vereador Jurandir Silva e equipe percorreram os pontos de embarque e desembarque dos ônibus coletivos no centro de Pelotas. A ação teve como objetivo perguntar aos usuários do transporte público como estão avaliando o serviço.

 

Há semanas, o mandato do vereador do PSOL está compilando as impressões e percepções da população a respeito do transporte coletivo. A coleta de informações começou no meio on-line, por meio de um formulário divulgado nas redes sociais, e agora passou às ruas.

 

A percepção predominante e de maior preocupação dos trabalhadores e trabalhadoras que usam diariamente o transporte é a lotação dos ônibus, que está muito além do devido neste momento de pandemia. É preciso que medidas sejam tomadas para evitar isso. Oferecer um sistema de qualidade, que permita o distanciamento entre pessoas e evite a propagação da covid-19 é dever do Consórcio do Transporte Coletivo. Evitar que os ônibus e pontos de embarque fiquem lotados é preservar vidas”, frisou Jurandir Silva.

 

No último mês, a Câmara Municipal aprovou o aporte financeiro da prefeitura para as empresas do Consórcio do Transporte Coletivo de Pelotas. Durante as discussões, a Bancada do PSOL protocolou emendas a fim de garantir a qualidade do serviço prestado à população e frisou a necessidade das empresas cumprirem com as suas obrigações.

 

 

Texto por Assessoria de Comunicação do Vereador Jurandir Silva

Vereadores vítimas de racismo foram ouvidos na Câmara

Publicado em 16/06/2021.
Césinha (PSB),foi um dos ouvidos na Comissão de Direitos e Prerrogativas

Na última terça-feira, dia 15, os vereadores vítimas de racismo foram ouvidos pela Comissão de Direitos e Prerrogativas na Câmara de Vereadores de Pelotas. Desde o dia 25 de fevereiro, data da votação referente a licença-prêmio e a gratificação de 50% aos municipários, publicações de cunho racista foram compartilhadas em redes sociais. Nessas postagens os quatro vereadores foram atacados, inclusive com cartazes de ‘procura-se’, e seus contatos pessoais foram divulgados. A partir dessa exposição de telefones, os parlamentares receberam diversas ameaças.

Dos quatro vereadores atingidos pelas postagens, dois não se manifestaram. Reinaldo Belezinha (PSD) e Rafael Barriga (PTB) serão ouvidos somente na próxima terça-feira, dia 22, a partir das 10h.

Cesinha (PSB) e Michel Promove (PP) deram seus depoimentos até o começo da tarde, onde expuseram suas opiniões referentes ao racismo estrutural. Cesinha lembrou do tempo em que ainda criança, trabalhava cuidando carros em frente à um supermercado no bairro Guabiroba, onde nasceu e reside até hoje. Após esse período, teve oportunidade de trabalhar justamente no mercado onde até então cuidava carro na frente e desde lá frisou que sempre trabalhou e se dedicou para hoje ocupar um cargo em uma cadeira do Legislativo, relatando que: “Os negros podem sim, ocupar espaços de poder. Podem ocupar os espaços que quiserem”. Cesinha também lembrou que a partir do momento em que foi eleito democraticamente, sendo o oitavo vereador mais votado na última eleição, acreditou que por ser representante legal de uma parcela da sociedade que depositou votos na sua pessoa, para que se transformasse na voz daqueles invisibilizados,não sofreria esse tipo de atitude, por não estar mais à margem do poder. “É muito mais fácil eu ser identificado e marginalizado como aquele que pede em frente ao banco, que sai do presídio, da FASE, do que ser reconhecido como um legislador. Se eu que hoje tenho voz sofro isso, imagina o que as pessoas que dormem em frente aos bancos, em frente à Prefeitura, ou que cuidam carro nas ruas não sofrem. Eu vim para essa Casa para dar muito mais voz e não para silenciar alguém. Quando as pessoas não aceitam que quatro negros ocupem cadeiras no legislativo, por seus méritos e votação, e que por suas origens e cor, sofram o que sofremos, isso caracteriza o racismo”.

O vereador Cesinha ainda afirmou que por estar na linha de frente e ser uma pessoa pública, está acostumado com críticas e tem ciência que não é unanimidade, mas não admite que as críticas ultrapassem a questão política e entre no cunho pessoal e racial. “O que foi anexado à Comissão foram prints de rede social, mas o que chegou ao meu telefone nem colocamos aqui, porque fomos apagando e administrando. Considero justa qualquer crítica ao meu posicionamento enquanto vereador, mas a partir do momento que minha filha me perguntou por qual motivo eu estava sendo procurado pela polícia, em razão de publicações feitas com a minha foto, aí já extrapolou”.

Outra questão levantada pelo vereador Cesinha foi o fato das postagens terem sido orquestradas e compartilhadas por diversos funcionários públicos, inclusive uma delas foi feita pelo perfil oficial da única instituição infantil da Guabiroba, a Escola Mário Quintana. “É o desejo dessas pessoas, elas não estão enganando. O descontentamento delas é legítimo, quanto aos meus posicionamentos, mas elas não lutam por ninguém, elas devem ser banidas das atividades sociais”, pontuou Cesinha.

A funcionária do SANEP, Rosemeri dos Santos, responsável por compartilhar postagens racistas, foi convocada pela terceira vez para prestar esclarecimentos, mas novamente não compareceu. Os vereadores atestam que levarão o caso à Justiça, para que os responsáveis sejam exemplarmente punidos criminalmente por suas atitudes.


Texto: assessoria de imprensa do vereador 

Vereador Jone Soares participa de entrevista na Rádio Fragata

Publicado em 16/06/2021.

Na tarde do último sábado o vereador Jone Soares (PSDB) concedeu uma entrevista ao jornalista Igor Islabão, na rádio Fragata, para apresentar as realizações e o ritmo dos primeiros trinta dias do mandato dele.

O vereador explicou a sua trajetória iniciada na casa do povo em 2013, como estagiário da Tv Câmara até a chegada ao mandato em maio deste ano.

“ Tenho o maior orgulho da minha história nesta casa e da minha trajetória na política”, complementa o Edil.

Jone Soares destacou o projeto tem saída como uma das pautas importantes abordadas por ele até aqui. Esta proposta é realmente muito boa, pois será possível disponibilizar uma vaga no mercado de trabalho, para mulheres vítimas de violência, que por dependência do agressor, acabam tendo mais dificuldade para fazer o desvínculo do mesmo. As discussões com as autoridades, para o aprimoramento do projeto seguem acontecendo.

Foi trazido pelo edil, na entrevista algumas vitórias nos bairros: Arco íris, Arcobaleno, Dunas, Sítio Floresta, Fragata e Liberdade.
Outra luta de Jone Soares no legislativo é pela ampliação da ubs Sítio Floresta e Arco íris, que necessitam de ampliação urgente, já que os dois bairros cresceram de forma exponencial, o que vem preocupando o parlamentar.

“ Como morador do arco íris tenho visto a dificuldade que os moradores vem enfrentando. Nossa região teve vários novos núcleos habitacionais implementados nos últimos tempos: Arcobaleno, Liberdade, Reserva do Arco íris, entre o outro e a nossa estrutura de ubs ficou igual. O mesmo problema está acontecendo no Sítio Floresta. Estou em tratativas com a secretaria municipal de saúde, para resolver a situação”, disse o legislador.

O vereador abordou rapidamente a sua luta por recursos para a cidade, junto ao deputado federal Daniel Trzeciak, que nos últimos tempo direcionou a pedido de Jone Soares quase 1 milhão de reais, para a pavimentação da av Zeferino costa (já concluída) e rua 3 do Dunas ( em fase de licitação).

“Avalio como positivo estes primeiros dias, já que estou tirando do papel alguns compromissos de campanha. Agradeço ao Igor o espaço e estou à disposição para retornar sempre”, finalizou o parlamentar.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Jone Soares (PSDB)

Carlos Júnior solicita vacinação para bancários e funcionários de lotéricas

Publicado em 16/06/2021.

Baseado no fato de ser um setor que jamais paralisou a atividade no período de pandemia, inclusive nos decretos de lockdown, o vereador Carlos Júnior (PSD) protocolou no Poder Legislativo um pedido de providência para que haja a inclusão no grupo de prioritário de imunização contra a covid-19 de bancários e funcionários de correspondentes bancários.

O ato justifica-se pelo fato do contato direto destes funcionários com o público, o que torna as duas categorias vulneráveis à contaminação pelo coronavírus., confirmado pelo número de casos positivados.

Para o vereador o atendimento da solicitação irá diminuir o risco para funcionários e clientes, uma vez que tanto os agentes bancários quanto às lotéricas tem numerosa procura pela comunidade “ todo mundo paga conta, faz movimentação financeira, o que tornou imprescindível a manutenção da atividade, é hora de ofertar esta contrapartida pela dedicação para estes colaboradores”, afirmou Júnior.

 É o segundo pedido do parlamentar

Carlos Júnior (PSD) já encaminhou a mesma solicitação para os comerciários, que segundo o último levantamento do Observatório de Segurança Pública de Pelotas, trata-se da categoria na ativa mais afetada da cidade.

Segundo os dados do Presidente do Sindicato dos Empregados no Comércio de Pelotas (SECPel), José Luiz Porto Ferreira, são 12 mil funcionários diretamente no ramo varejista, o que chega a 17 mil colaboradores, somados os 12 ramos com vinculação comercial da cidade.

O pedido também é respaldado pela lei 5480/2020 de 20 de abril de 2.021, que aprovou a inclusão dos comerciários no grupo prioritário de vacinação contra a covid-19.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Carlos Júnior

Vereadora Cristina quer proibir quem cometer maus-tratos de adotar animais por cinco anos

Publicado em 15/06/2021.

A vereadora Cristina Oliveira (PDT) quer aumentar as punições para quem praticar maus-tratos em Pelotas. Por meio do Projeto de Lei nº 4472/2021, quer proibir quem maltratar animais domésticos de obter novamente a guarda do animal resgatado ou adotar outros animais pelo prazo de cinco anos. Para entrar em vigor, a matéria precisa ser aprovada no plenário da Câmara de Vereadores e sancionada pela prefeita.

De acordo com a parlamentar, é essencial que o poder público trabalhe para punir e coibir maus-tratos aos animais. “Em muitos casos os animais que sofrem nas mãos de criminosos acabam indo a óbito e os mesmos tutores pegam outros animais para sofrerem sob suas guardas”, explica. Ela também ressalta que vários municípios do Brasil já sancionaram leis semelhantes, demonstrando comprometimento com a pauta.

Se entrar em vigor, a nova punição será incorporada à Lei Municipal que dispõe sobre penalidades para maus-tratos, também de autoria da vereadora Cristina e vigente desde o ano passado. Atualmente, os infratores que cometem maus-tratos ou abandono de animais são multados em até R$ 5.034, além de arcar com todos os tratamentos veterinários. “É necessário sempre avançar nas políticas públicas de proteção aos animais, e permanentemente estamos trabalhando para melhorar a legislação existente”, enfatiza a parlamentar.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Cristina Oliveira (PDT) - Foto registrada antes da pandemia pela Assessoria de Comunicação da Câmara de Vereadores de Pelotas

Projeto de Lei com foco nas ciclovias da cidade

Publicado em 15/06/2021.

Na sessão ordinária desta terça-feira (15), o vereador Paulo Coitinho (Cidadania) falou sobre o Projeto de Lei que cria o Programa Municipal de Estímulo ao Uso da Bicicleta e ao Ciclismo e Modais Alternativos de Transporte de Pelotas. Pesquisas recentes nos mostram que 42,9% dos brasileiros consideram a bicicleta um meio ágil e prático, 24,2% entendem que a saúde vem em primeiro lugar, 19,6% dizem que o custo/beneficio da bicicleta ainda prevalece para o uso. Em 2002, Pelotas aderiu ao Plano Nacional de Mobilidade Urbana e neste documento assinado, a cidade tem até 2028 para concretizar 226 quilômetros de ciclovias em nosso município.

“Nos últimos anos crescemos muito, chegando a marca de 56 quilômetros, mas ainda precisamos avançar bastante. O nosso PL, visa criar condições para que a cidade cumpra o que está definido pelo Plano Nacional, fazendo o planejamento, ampliação, interligação e manutenção da malha já existente, além da qualificação da sinalização vertical e horizontal”, disse Coitinho. Para ele, a principal justificativa do projeto é a promoção de benefício à saúde e bem-estar da nossa população e ao meio ambiente, tendo em vista a diminuição do uso de carros particulares e do transporte público.

Estima-se que mais de seis mil pessoas utilizam a bicicleta como meio de transporte para se deslocarem aos seus trabalhos diariamente em Pelotas e aos finais de semana para lazer. Necessitamos urgentemente de uma ampliação.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Paulo Coitinho (Cidadania)

Vereador Sidnei Fagundes, Sid (PT) sofre AVC e está internado

Publicado em 14/06/2021.
Parlamentar sofreu um AVC Transitório e está internado na Beneficência Portuguesa
Vereador Sidnei Fagundes, Sid (PT) sofre AVC e está internado

Vereador Sid passa bem mas permanece hospitalizado

O vereador petista Sidnei Fagundes, Sid, está hospitalizado desde a manhã dessa segunda-feira na Beneficência Portuguesa após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) de caráter transitório. Informações da bancada do PT é de que o vereador está consciente e passa bem, porém deve permanecer hospitalizado mais alguns dias.

Conforme a assessoria do PT, Sid sentiu-se mal ao acordar e resolveu ir até o pronto atendimento da Beneficência para ser avaliado por um médico. Durante os exames foi constatado o AVC e o vereador foi internado. No início da tarde a equipe do vereador divulgou uma nota na qual comunicou o ocorrido e pediu torcida e orações de todos para o rápido restabelecimento de Sid.

No início da noite as informações davam conta de que Sid está consciente, conversava normalmente, mas permaneceria em repouso e observação médica mais algum tempo.

Por Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Pelotas

Faltam equipes para aumentar retaguarda ao Pronto Socorro

Publicado em 14/06/2021.
Em audiência da Comissão de Saúde secretária falou em esgotamento da estrutura hospitalar

O aumento da oferta de leitos hospitalares para receber pacientes internados no Pronto Socorro Municipal e aliviar a superlotação da unidade depende da montagem de mais equipes profissionais. Essa foi a principal resposta dada pela secretária de Saúde, Roberta Paganini Ribeiro durante a reunião mensal da Comissão de Saúde da Câmara realizada nessa segunda-feira. O tema da discussão foi a superlotação do Pronto Socorro.

“Existe um esgotamento da estrutura e não falo só da estrutura física, mas em constituir equipes. Conversamos com todos os hospitais para abrir novos leitos, mas depende de que estas instituições possam formar equipes para abrir esses leitos”, afirmou Roberta Ribeiro.

Ao apresentar respostas para os questionamentos dos vereadores sobre a situação do PS a secretária indicou o aumento sazonal natural da demanda nas épocas de frio em virtude do agravamento de doenças respiratórias, cardíacas e circulatórias, aliado à necessidade de direcionar leitos hospitalares para pacientes com Covid-19 como os motivos centrais da lotação excessiva da unidade. O encaminhamento para o pronto socorro de pacientes de outras cidades com quadros clínicos poderia ser tratado em outros locais é outro ponto problemático para o qual a secretária diz estar buscando solução.

“Estamos conversando com os secretários para que mandem para Pelotas somente o que é urgência e emergência, pois depois que chega aqui não podemos mandar de volta esse paciente que poderia ser tratado na sua cidade de origem”, disse.

De acordo com os dados apresentados pela secretária atualmente a cidade possui 230 leitos hospitalares para pacientes não-Covid e outros 88 para pacientes Covid. Já leitos de UTI são 44 não-Covid e 64 para pessoas contaminadas pelo Coronavírus.

SOLUÇÕES 

Sugerida pelo presidente da Comissão de Saúde, vereador Marcos Ferreira, Marcola (PTB) a abertura de postos de saúde e UBAI’s nos finais de semana é, conforme a secretária uma solução que pode ajudar a reduzir a procura pelo Pronto Socorro e, consequentemente, sua superlotação. Isso, todavia, depende da contratação de novos médicos. Um edital com esse objetivo já foi publicado.

A mudança da cultura das comunidades a respeito de consultarem com as equipes de enfermagem e não apenas com os médicos foi outro ponto indicado pela secretária como capaz de ajudar a diminuir a procura pelo PS, que deve por finalidade ser usado apenas em casos de urgência e emergência.

“Esse tema do Pronto Socorro não se esgota em uma única reunião, porém foi muito importante ouvir a secretária para saber a real situação do sistema de retaguarda, da própria unidade e, mais ainda, sobre os planos da secretaria para tentar resolver esse problema que aflige toda a comunidade”, afirmou Marcola.

Participaram da reunião os vereadores Marcola, Marisa Schwarzer (PSB), Fernanda Miranda (PSOL), Jurandir Silva (PSOL), Jair Bonow (PP), Michel Promove (PP), Jone Soares (PSDB) e Paulo Coitinho (Cidadania), além de representantes dos hospitais Beneficência Portuguesa, Santa Casa, HU São Francisco de Paula, HU UFPel e do Conselho Municipal de Saúde.

 A reunião de julho terá como tema saúde básica.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Marcos Ferreira, Marcola (PTB)

Vereador Jurandir Silva requer informações da SQA sobre a Política de Arborização no Município de Pelotas

Publicado em 14/06/2021.

Protocolado e aprovado em Plenário, um Pedido de Informações do Vereador Jurandir Silva (PSOL) foi encaminhado à Secretaria de Qualidade Ambiental questionando os critérios para a poda de árvores no Município e como se dá a fiscalização e monitoramento de árvores localizadas em áreas públicas e privadas.

 

Pesquisas e estudos demonstram a exponencial degradação do meio ambiente e a necessidade de proteção integral dos ecossistemas existentes. Por isso, o Vereador do PSOL vê como essencial a proteção das árvores nativas locais e o seguimento da Lei Orgânica de Pelotas, que determina aos órgãos administrativos da divisão ambiental o dever de vigilância e fiscalização do meio ambiente.

 Em 2018, a lei 4428/1999 sofreu modificações nos critérios técnicos para o corte e poda de árvores. O Vereador Jurandir Silva questiona: Quais são os critérios técnicos utilizados pelo órgão para definir quais árvores devem ser podadas ou cortadas?

 Já quanto à fiscalização e monitoramento das árvores, a SQA deve responder às seguintes questões: 1) A Secretaria possui um plano de fiscalização e monitoramento das árvores localizadas em vias ou logradouros públicos? 2) A Secretaria possui um plano de fiscalização das árvores nativas situadas em propriedades particulares, principalmente no que tange à observância dos critérios legais para poda ou corte realizado por particulares?

 Para agrupar todas as demandas e necessidades de Pelotas quanto as árvores, é preciso que um Plano de Arborização do Município exista e esteja sendo aplicado - este também é um dos questionamentos do Vereador. 

 “Queremos conhecer e entender como tem se dado a aplicação dos dispositivos legais e medir a eficácia da proteção das árvores nativas locais. O meio ambiente e os ecossistemas que existem no nosso Município precisam ser preservados”, acrescentou Jurandir Silva.

Texto de Assessoria de Comunicação do Vereador Jurandir Silva (PSOL)

Mercado Público terá Demarcação do Orixá Bará

Publicado em 14/06/2021.
Mercado Público terá Demarcação do Orixá Bará

Coitinho participa da solenidade oficial de anuncio da liberação pelo Iphan

Na tarde de ontem (13), o vereador Paulo Coitinho (Cidadania) participou do anúncio oficial da liberação pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) para a demarcação do centro do Mercado Público com a construção de ladrilho ou adesivo referenciado ao Orixá Bará, Senhor dos Caminhos e do Mercado. O comunicado foi feito pelo secretário de cultura, Paulo Pedrozo. Trata-se de uma solicitação do Conselho Municipal de Povo do Terreiro de Pelotas (CMPTERPEL) que busca tornar mais conhecida uma antiga tradição, cuja manifestação concreta são os rituais e práticas realizadas pelos religiosos de matriz africana no interior e arredores do Mercado Público. A proposição de Coitinho foi aprovada por unanimidade no plenário da Câmara de Vereadores.

“Segundo a mitologia de matrizes africana, os cruzeiros e caminhos tem um papel importante, por isso sempre vamos encontrar um assentamento de Bará em Mercados Públicos”, explica o vereador. “Nestes locais existe grande troca de movimentos, de encontro de pessoas”, complementa. Com está demarcação o Bará do Mercado de Pelotas entra no Roteiro Nacional dos Débitos do Bará.

Além do aspecto mitológico e religioso o assentamento de Bará em Mercados foi e ainda hoje é um elo de ligação entre negros, além de ser considerado o local de referência para os africanos na cidade.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Paulo Coitinho (Cidadania)

Vereador Paulo Coitinho trata sobre isenção de IPTU para templos religiosos.

Publicado em 14/06/2021.

Nesta sexta-feira (11) o vereador Paulo Coitinho (Cidadania) reuniu-se com o secretário da fazenda de Pelotas, Jairo da Silva Dutra. A pauta do encontro foi dar continuidade às conversas anteriores sobre a isenção da cobrança do IPTU para templos religiosos regularizados que funcionam em prédios alugados.

“Estamos empenhados em solucionar um tema que há muito tempo vem rolando e não tínhamos solução”, diz o parlamentar.

O secretário foi receptivo a demanda de Coitinho e comprometeu-se em encaminhar uma minuta do projeto ao executivo para análise e após remeter o projeto à Câmara de Vereadores.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Paulo Coitinho (Cidadania)

Vereador Carlos Júnior garante melhorias no Simões Lopes

Publicado em 14/06/2021.
Vereador Carlos Júnior garante melhorias no Simões Lopes

Bairro recebeu ações de limpeza (Foto: Assessoria)

O compromisso com os moradores do Simões Lopes havia sido firmado pelo vereador Carlos Júnior (PSD). Júnior determinou o protocolo de pedidos de providência para limpeza e retirada de entulhos em locais críticos do bairro. Após conversação com o Secretário de Serviços Urbanos, Fábio Suanes, foi definido um cronograma de execução, o que resultou em uma grande operação nesta semana que passou.

            Em dois pontos da Avenida Visconde da Graça, um ao lado da Ponte do Canal Santa Bárbara e o outro junto à Praça da UBS, uma equipe com a utilização de equipamentos e maquinários, realizou a remoção de grande quantidade de lixo e resíduos depositados indevidamente. Depois de finalizado, tudo foi entregue de cara renovada, e depende da colaboração da população dos arredores para ser mantido.

A próxima etapa é garantir a instalação de um Ecoponto no Simões Lopes, como forma de proporcionar um espaço adequado para descarte de materiais recicláveis, como plásticos de origem domiciliar, papelão, vidros e metais, além de móveis desmontados, restos de podas e jardinagem, e resíduos de construção civil tipo, aterro, argamassa, concreto e tijolos.

Estas iniciativas ratificam a presença do mandato do vereador Carlos Júnior (PSD) no Simões Lopes “ fico feliz pelo atendimento da demanda pela Secretaria de Serviços Urbanos, temos uma equipe permanentemente no mapeamento das necessidades, e no repasse ao nosso gabinete para que sejam protocolados os pedidos, estamos e continuaremos presentes durante os 04 anos no Simões”, comentou satisfeito o parlamentar.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Carlos Júnior (PSD)

Vereador Rafael Barriga defende reabertura do Ecocamping

Publicado em 11/06/2021.
Vereador Rafael Barriga defende reabertura do Ecocamping

Vereador Barriga participou de reunião com a prefeita e secretário estadual (Foto: Ascom)

Em agenda marcada com a prefeita Paula Mascarenhas, o vice prefeito Idemar Barz, o vereador Rafael Barriga, o secretário de turismo do estado Ronaldo Santtini e o secretário de turismo de Pelotas Sandro Bazanella estiveram reunidos hoje pela manhã na prefeitura discutindo algumas demandas propostas pelo vereador Rafael Barriga, entre elas a reabertura do Camping municipal, que foi local de lazer e turismo por muitas décadas em nossa cidade e a revitalização da gruta e arredores da Santa Iemanjá no Balneário dos Prazeres nosso conhecido Barro Duro.

]O vereador Rafael entregou a prefeita um manifesto feito por trabalhadores do setor de evento e turismo contendo reivindicações para ajudar nesse momento delicado em que se encontram.

O secretário de turismo irá estudar as demandas feita pelo vereador Rafael Barriga que está preocupado com esse setor tão prejudicado durante a pandemia.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Rafael Barriga (PTB)

Carlos Júnior intermedia quase meio milhão de reais em emendas para Pelotas

Publicado em 11/06/2021.
Carlos Júnior intermedia quase meio milhão de reais em emendas para Pelotas

Vereador esteve com deputado, secretário estadual e prefeita no anúncio (Foto: Fotos de Ederson de Ávila/Comunicação da Câmara )

O líder da bancada do PSD no Legislativo Pelotense, vereador Carlos Júnior recebeu na manhã desta quinta –feira (10) em cumprimento de agenda na região, o deputado estadual Gaúcho da Geral (PSD), acompanhado pelo Secretário Adjunto de Esporte e Lazer do RS e Presidente do Diretório do PSD de Pelotas, Daniel Mussi. Os dois foram recepcionados por Júnior na Presidência da Câmara Municipal, juntamente com o colega de bancada, vereador Reinaldo Belezinha (PSD) e pelo Presidente do Parlamento Pelotense, Cristiano Silva (PSDB).

Durante o encontro o deputado reafirmou que está disponível para o encaminhamento de solicitações e projetos junto ao Governo Gaúcho. Anunciou também que em parceria com o então deputado federal Danrlei de Deus (PSD), atualmente Secretário Estadual de Esporte e Lazer, foram liberadas duas emendas parlamentares para Pelotas.

- Emenda de R$ 350.000,00 (Trezentos e cinquenta mil reais), do orçamento federal, para a compra de um caminhão caçamba para a Secretaria de Obras e Pavimentação.

- Emenda de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), também do orçamento federal, para a aquisição de um veículo, cinco computadores, uma impressora, um refrigerador, um bebedouro, uma cadeira automotiva para transporte de crianças, uma smart tv, e um ar-condicionado portátil, para uso do Conselho Tutelar.

Depois da estada no Legislativo a comitiva do PSD foi ao Paço Municipal para formalizar a remessa dos recursos para Pelotas, onde foram recebidos pela Prefeita Municipal, Paula Mascarenhas (PSDB), acompanhada do Vice-prefeito, Idemar Barz.

Para o vereador Carlos Júnior, esta parceria com os deputados é garantia de assegurar benefícios para as pessoas de nossa cidade “ tenho encontrado acolhimento das demandas encaminhadas junto aos nossos deputados, é a certeza que juntos podemos construir muito mais em prol de nossa comunidade ”, afirmou o parlamentar.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Carlos Júnior (PSD)

Campanha do Agasalho

Publicado em 10/06/2021.

No próximo sábado (12) acontecerá a campanha do agasalho em formato drive-thru na rua Leopoldo Brod das 13h as 17h.

O evento é uma iniciativa do vereador Rafael Barriga para conseguir arrecadar alimentos e agasalhos para os mais necessitados.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do Vereador Rafael Barriga (PTB)

Caminho aberto para a construção de lei estadual da criação de pássaros

Publicado em 10/06/2021.
Encontro com secretário estadual de Meio Ambiente encaminha primeiras discussões sobre o tema
Caminho aberto para a construção de lei estadual da criação de pássaros

Marcola intermediu encontro entre secretário Vianna e criadores

Um encontro realizado em Pelotas na tarde de quarta-feira abriu caminho para a construção de uma lei estadual que regulamente a criação de pássaros, que já é legal e permitida em todo território nacional. A reunião de trabalho aconteceu no Clube XV de Julho e contou com a participação do titular da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (SEMA), Luiz Henrique Vianna, a presidente da Fepam, Marjorie Kauffmann, o diretor do Departamento de Biodiversidade da Sema, Diego Melo e os representantes dos criadores, Eduardo Franchi, Duka atual vice-presidente da Federação Gaúcha de Pássaros Nativos e Marcelo Barros, presidente da Sociedade Ornitológica Pelotense (SOP). A reunião foi mediada pelo o líder do governo na Câmara Municipal de Pelotas, vereador Marcos Ferreira, Marcola (PTB).

“Foi o primeiro contato entre nós, representantes da classe dos criadores amadores de pássaros silvestres do RS, com o secretário e apresentamos nosso projeto de minuta para construção de uma lei estadual Também discutimos demandas e necessidades dos criadores”, diz Barros.

Os representantes da classe - que reúne de acordo com estimativas das entidades aproximadamente 15 mil pessoas em todo o RS e aproximadamente 1,5 mil em Pelotas - cobraram, ainda, uma maior agilidade dos órgãos ambientais para liberação de licenças. “Cada criador paga em torno de R$ 140,00 anuais em taxas e há possibilidade desse número triplicar caso os órgãos sejam mais ágeis”, afirma.

A disposição do secretário Vianna ao diálogo e o compromisso assumido em retomar a conversa dentro de 30 dias para dar continuidade no debate sobre a legislação proposta e que já possui similares em estados como Santa Catarina, Paraná e São Paulo animou os criadores. “Acreditamos que avançamos e que a conversa inicial foi muito produtiva”, diz.

Para o vereador Marcola a abertura da discussão é importante frente à necessidade do Rio Grande do Sul em contar com uma legislação sobre o tema capaz tanto de apoiar quem exerce a atividade dentro das regras, como de garantir maior proteção às espécies.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Marcos Ferreira, Marcola (PTB)

Vereador Jone Soares Trata da ampliação da Ubs Sítio Floresta e Arco-íris na Secretaria de Saúde

Publicado em 10/06/2021.

Na última terça-feira o vereador Jone Soares (PSDB) reuniu-se com a Diretora de atenção primária do município Mariane Larroque, para abordar alguns temas importantes, relacionados aos postos de saúde dos bairros Arco-íris e Sítio Floresta.
De acordo com as reclamações que chegaram ao gabinete do parlamentar a UBS Sítio Floresta está defasada, no que se refere a estrutura física e de equipes, para o atendimento da comunidade.

“Tenho recebido no meu gabinete na Câmara de Vereadores várias colocações por parte dos moradores, pois o bairro Sítio Floresta cresceu muito em número populacional e a estrutura do posto não acompanhou esse aumento, o que não dá o atendimento esperado pelos usuários”, disse Jone Soares.
Outro bairro que tem o mesmo problema é o posto de saúde do Arco-íris, que recentemente recebeu os moradores dos novos loteamentos: Liberdade, Moradas, Arcobaleno e Reservado Arco-íris.

“A zona norte da nossa cidade foi a que mais cresceu no nosso município e isso fez com que o número de pessoas aumentasse em grande escala, o que gerou um agravamento dos usuários na nossa ubs, que tem ser ampliada”, Complementou o parlamentar.

O tema foi levado diretamente a responsável pelos postos Mariane, que concordou com o edil e adiantou, que a secretaria de saúde está em estudos, para ver a necessidade e viabilidade da ampliação das unidades básicas de saúde. Em breve o estudo estará terminado e será externado. O vereador Jone soares vai monitorar de perto esta situação e lutar para que as ampliações aconteçam.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Jone Soares (PSDB)

Audiência Pública presidida pela Vereadora Fernanda Miranda e pelo vereador Paulo Coitinho como vice, abre precedente histórico na Casa

Publicado em 10/06/2021.
Audiência Pública presidida pela Vereadora Fernanda Miranda e pelo vereador Paulo Coitinho como vice, abre precedente histórico na Casa

Vereadora Fernanda Miranda coordenou reunião

Na última segunda-feira, 7 de junho, ocorreu na Câmara de Vereadores Audiência Pública proposta pela Comissão de Serviços Públicos que teve como tema a discussão da nomeação de ruas no bairro Getúlio Vargas. Essa audiência foi proposta a partir de um ofício da Prefeitura à Comissão.

Através desta proposição, foi possível abrir um espaço importante de discussão continuada com as comunidades, sem precedentes nessa temática, visando incluir a população local como parte central de todo processo de construção de ações públicas dos espaços a que pertencem.

Na oportunidade foi possível ouvir moradores e pessoas que atuam no bairro Getúlio Vargas, junto à comunidade negra, que é parte fundamental neste processo de ressignificação da história da nossa cidade, contada através dos nomes das ruas, avenidas, estátuas.

“Essa proposição é para que possamos ter um canal de diálogo junto àqueles que vivenciam os bairros e junto a diversidade composta pela comunidade negra. O nome das ruas dizem muito da nossa história e é chegado a hora desta cidade contar e homenagear aqueles que de fato construíram esta história”, pontuou a vereadora Fernanda Miranda em sua fala de abertura.

Pai Juliano, em sua intervenção, falou sobre a importância de se referenciar a matriz afrodiaspórica, mas também de igual importância é referendar o pertencimento dos moradores atuantes nos bairros, que deixaram os seus legados, fator fundamental para a construção da identidade da comunidade que precisa deste reconhecimento. Foi citada a necessidade de se homenagear personalidades locais como a Mestra Griô Sirley Amaro, Mr. Pelé, Mestre Batista, entre outros.

Ao final da reunião, ficou encaminhado a criação de uma comissão popular para atuar junto à Comissão de Serviços Públicos, para que seja possível pensar em nomenclaturas mistas, tanto de representações locais quanto a proposta trazida pela gestão.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Fernanda Miranda (PSOL)

Vereador Barriga recebe secretário estadual de Turismo

Publicado em 09/06/2021.
Vereador Barriga recebe secretário estadual de Turismo

Vereador Barriga e Santini vão discutir ações e projetos para o setor turístico local (Foto: Divulgação)

Na próxima sexta - feira (11) Pelotas receberá a visita do secretário de turismo do estado Ronaldo Santini.

Além de conversa com a prefeita Paula Mascarenhas (PSDB) o secretário irá discutir projetos para o setor do turismo, conforme o pedido do vereador Rafael Barriga (PTB), já que o setor é um dos mais atingidos no período da pandemia em todo país.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Rafael Barriga (PTB)

Comissão da proteção animal realiza audiência pública para anunciar critérios de distribuição das fichas de castração emergencial

Publicado em 09/06/2021.
Comissão da proteção animal realiza audiência pública para anunciar critérios de distribuição das fichas de castração emergencial

A proponente vereadora Marisa Schwarzer utilizou o encontro para divulgar o formulário de solicitação de castração gratuita

Na noite de ontem (08/06), aconteceu a primeira audiência pública da Comissão de Proteção Animal da Câmara de Vereadores de Pelotas, cujo tema foi o novo plano emergencial de castrações. Enquanto os convênios não retornam, a vereadora Marisa Schwarzer conquistou o plano emergencial por meio de licitação dispensada no valor de R$17.000,00, que garantiu em torno de 130 castrações (as primeiras do ano), das quais 25 foram para o canil municipal e as restantes 105 serão distribuídas para castrar cães e gatos, 85 fêmeas e 20 machos comunitários (de rua) ou tutelados por famílias de baixa renda sem pátio fechado e com garantia de lar de passagem para o pós-operatório.

Como o plano é limitado devido ao valor máximo da licitação dispensada, os pré-requisitos para a seleção dos animais contemplados foram definidos com o CCZ e SMS, a fim de causar o maior impacto possível na reprodução dos animais de rua com este número de fichas. Para não causar filas e aglomeração, foi disponibilizado um formulário online para inscrição dos animais, sendo necessária a comprovação que o animal é de rua, por meio de registro, sejam fotos ou vídeos. O formulário pode ser acessado pelo link: https://docs.google.com/forms/d/1Yc11mn0DRX_c9X6jCdgVJn5IszZ70eFtRxj6FmTjErk ou http://linktr.ee/marisaschwarzer

A audiência contou com a presença da presidente da comissão Marisa Schwarzer, a vice-presidente Cristina Oliveira, o vereador Márcio Santos e a vereadora Mirian Marroni. Além dos parlamentares, estavam presentes também representantes do CCZ, o presidente do COMUPA Henrique Fetter, a secretária de saúde Roberta Paganini e representantes da comunidade de proteção animal.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Marisa Schwarzer (PSB)

"Em reunião da Comissão de Educação ficou evidente que nem a SMED e nem as escolas estão preparadas para retorno presencial", diz Fernanda Miranda

Publicado em 09/06/2021.
"Em reunião da Comissão de Educação ficou evidente que nem a SMED e nem as escolas estão preparadas para retorno presencial", diz Fernanda Miranda

Reunião online discutiu proposta de retorno às aulas

Na última quarta-feira (02), nosso mandato esteve presente na Audiência Pública proposta pela Comissão de Educação da Câmara, que contou com a participação da Secretária Municipal de Educação e Desporto do município, Adriane Silveira, para tratar sobre a volta presencial das atividades escolares em Pelotas, até então prevista para ocorrer no dia 16 deste mês.

Conforme já afirmado publicamente em diversas ocasiões, nos posicionamos de forma contrária a qualquer tipo de retorno presencial das escolas, junto das e dos profissionais de educação, das e dos estudantes e de suas famílias, que lutam em defesa da vida das comunidades escolares e da população pelotense como um todo. Durante a Audiência, este posicionamento coletivo foi, mais uma vez, reafirmado, através das análises apresentadas pela Universidade Federal de Pelotas, que compõe o Comitê municipal de enfrentamento à Covid-19, pelo Conselho Municipal de Educação, pelo SIMP - Sindicato dos Municipários de Pelotas e, ainda, pelo UNI Pelotas - Comunidade Escolar em Luta e o Coletivo Infância Viva. Entidades que mais uma vez apontam para a total impossibilidade de qualquer retorno seguro e de qualidade das atividades presenciais nas escolas, tendo em vista o atual cenário de descontrole da pandemia na cidade, a baixa abrangência da imunização contra a Covid e, dentro desse cenário, a falta de estrutura das escolas para o retorno seguro, entre tantos outros argumentos debatidos há meses.

Na ocasião, a segunda em que a Secretária de Educação esteve presente na Câmara Municipal ao longo de todo este ano para tratar das problemáticas relacionadas ao ensino durante a pandemia, foi possível constatar que realmente não há condições viáveis e tão pouco, seguras, para um retorno presencial e/ou híbrido da educação presencial. Comprovou-se, novamente, que não há canais efetivos de diálogo entre as comunidades escolares e a SMED e que os problemas relacionados ao ensino remoto persistem desde o ano passado. Além disso, através de visitas que estamos realizando nas escolas, constatamos a falta de extintores de incêndio ou também, em alguns casos com prazo de validade vencido, demonstrando a falta de planejamento seguro para qualquer retorno presencial.

Defendemos, portanto, que é necessário agir neste momento de forma a garantir a vida da população pelotense, investindo nas demandas das comunidades escolares do município, garantindo alimentação adequada, acolhimento psicológico aos profissionais da educação e estudantes, orientação às famílias, vacina para todas, todos e todes. Entendendo que é mais adequado qualificar o ensino remoto, garantindo o acesso às tecnologias e melhorias nas condições de ensino-aprendizagem até que possamos estar em condições seguras para o retorno das atividades presenciais com garantia de saúde e de qualidade no ensino.

Nesta terça-feira (8), recebemos a notícia de que a SMED adiou a previsão de retorno das atividades presenciais e/ou híbridas nas escolas para o mês de agosto, posicionamento no mínimo sensato, mas que não basta. Nosso mandato seguirá ao lado das comunidades escolares pelotenses e dos movimentos sociais, na defesa incansável da vida de todes, na luta por uma educação segura e de qualidade e pela garantia de acesso aos direitos básicos de toda a população pelotense, neste momento crítico em que vivemos.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete da vereadora Fernanda Miranda (PSOL)

Vereador Jone Soares foi até o Sítio Floresta acompanhar as necessidades do bairro

Publicado em 09/06/2021.
Vereador Jone Soares foi até o Sítio Floresta acompanhar as necessidades do bairro

Vereador visitou bairro e conversou com população

Na tarde do último sábado (29), o vereador Jone Soares (PSDB) atendeu ao chamado de alguns moradores do bairro Sítio Floresta e foi até a localidade para ver de perto as necessidades da população.

O vereador constatou algumas necessidades apontadas pela população, como patrolamento, ensaibramento alguns pontos de iluminação.

“Hoje estou aqui no Sítio Floresta, atendendo um chamado dos moradores, para fazer uma das prerrogativas do vereador, que é acompanhar de perto os problemas enfrentados pelo povo. Uma marca do meu mandato é justamente a proximidade com as pessoas’, disse o vereador.

Outra situação apontada pelos moradores e que está preocupando o parlamentar é situação de alguns postes na rua 4, que estão quase caindo, o que pode trazer problemas sérios.
Na área da saúde um ponto muito falado ao vereador é a necessidade de ampliação da unidade básica de saúde do Sítio.

“A questão do posto de saúde foi um ponto muito mencionado, pelas pessoas que conversei. É nítida a necessidade de ampliação da ubs, tendo em vista, que o bairro cresceu em grande escala nos últimos tempos.


Todas a solicitações, que o vereador Jone Soares levantou no bairro serão encaminhadas ao poder executivo, via pedido de providências, na câmara de vereadores e também por ofício, para a ceee. Sobre o posto de saúde o parlamentar fará uma reunião em seguida, para pedir a ampliação do posto.
“A base do meu trabalho sempre foi o diálogo e confio muito nele, para construir as soluções em prol da população. Meu mandato seguirá sempre atuante e perto dos pelotenses”, finalizou o edil.

Por Assessoria de Imprensa do Gabinete do vereador Jone Soares (PSDB)

Redes sociais

Facebook  Twitter  Youtube  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.  Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

TV Câmara

Atendimento ao Cidadão

Esta imagem é referenciada nos conteúdos do portal.

Leis e Processo Legislativo

Licitacon